Apartamentos em Ribeirão Preto vão contar com energia fotovoltaica

CompartilheShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Imóveis do empreendimento Reserva Real serão os primeiros da MRV Engenharia, em Ribeirão Preto, a contar com esta opção sustentável para geração de energia.

MRV_imagem_release_1079654Ações sustentáveis e que respeitem o meio ambiente têm ocupado lugar de destaque no planejamento das empresas. No caso da MRV Engenharia, a maior construtora da América Latina, a utilização de placas solares ganhará cada vez mais destaque em seus empreendimentos. Em Ribeirão Preto, a implantação desta forma limpa e econômica de geração de energia será utilizada, pela primeira vez, no Reserva Real.

O empreendimento, localizado no Jardim Juliana, na Zona Leste, contempla a construção de quatro condomínios, com 3 mil unidades habitacionais, elegíveis no Programa Habitacional do Governo Federal, o Minha Casa, Minha Vida. A previsão é que a primeira fase da obra esteja finalizada no final de 2018. Além da economia e respeito ao meio ambiente, o imóvel passa a ser valorizado por utilizar uma energia limpa e renovável.

A ideia consiste na instalação de células fotovoltaicas no telhado das torres dos prédios que convertem energia solar em energia elétrica e o excedente é transmitido para a rede de distribuição da concessionária de energia local. Até o final de 2017, a MRV Engenharia terá lançado aproximadamente 17 mil unidades em empreendimentos equipados com placas solares, e nos próximos 5 anos, 100% dos empreendimentos contarão com essa tecnologia.

A iniciativa teve início em dezembro de 2016, em um empreendimento em Salvador, na Bahia. De acordo com a empresa, o uso da energia solar pode reduzir a conta de energia de um condomínio em até 80%. Em cinco anos, a empresa deixará de consumir da rede pública de energia cerca de 90 GWh/ano, o equivalente ao abastecimento de uma cidade de 40 mil habitantes.

Segundo dados da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), apenas 10.840 imóveis utilizam a tecnologia no país, potencial subaproveitado para a geração fotovoltaica, visto que o país tem um elevado índice de radiação solar, mas sofre com o alto custo da energia elétrica que cresce 4% ao ano. O sistema de compensação de energia foi criado a partir da Resolução 482 Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) em abril de 2012, que passou a regular esta modalidade de geração de energia junto à concessionarias de energia nacionais.

 

  • Canal Dicas Mulher

  • O Guia de Compras Dicas Mulher é segmentado, e os anúncios agrupados nas seguintes seções:
    - Artes & Decoração
    - Beleza & Estética
    - Comer & Beber
    - Festa, Lazer & Turismo
    - Moda & Pres Sobre nós

    Últimos Mulher em Foco



    Dicas Mulher © Copyright 2015, Todos Direitos Reservados

    Desenvolvido por Invation